Google Links

quinta-feira, 6 de novembro de 2014

Flamengo é eliminado de virada e com goleada

Rio - A história se repetiu pela quarta vez. O Atlético Mineiro fez valer novamente a sua força dentro de casa para conquistar mais uma vitória impressionante, de virada, sobre o Flamengo nesta quarta-feira. Após perder por 2 a 0 no Maracanã, o time mineiro acabou com o sonho do bicampeonato do clube rubro-negro no estádio do Mineirão, em Belo Horizonte, com uma goleada por 4 a 1, que o credenciou para disputar a final da Copa do Brasil contra o seu arquirrival Cruzeiro.

[FONTE: FOLHAVITORIA]
FICHA TÉCNICA:
ATLÉTICO-MG 4 x 1 FLAMENGO
ATLÉTICO-MG - Victor; Marcos Rocha, Léo Silva, Jemerson e Douglas Santos; Josué (Leandro Donizete), Dátolo, Luan e Maicosuel (Marion); Diego Tardelli e Carlos (Dodô). Técnico: Levir Culpi.
FLAMENGO - Paulo Victor; Léo, Wallace, Chicão e João Paulo; Cáceres, Marcio Araújo, Canteros e Everton (Matheus); Nixon (Elton) e Eduardo da Silva (Luiz Antônio). Técnico: Vanderlei Luxemburgo.
GOLS - Everton, aos 34, e Carlos, aos 42 minutos do primeiro tempo; Maicosuel, aos 12, Dátolo, aos 36, e Luan, aos 39 minutos do segundo tempo.
CARTÕES AMARELOS - Cáceres, Wallace, Everton e Elton (Flamengo).
ÁRBITRO - Anderson Daronco (RS).
RENDA - R$ 4.615.660,00.
PÚBLICO - 41.353 pagantes.
LOCAL - Estádio do Mineirão, em Belo Horizonte (MG).

domingo, 2 de novembro de 2014

Luxemburgo mantém foco na Chapecoense: 'Não concretizamos o nosso objetivo'

Apesar de o Flamengo estar sete pontos distante da zona de rebaixamento do Campeonato Brasileiro, o técnico Vanderlei Luxemburgo mantém o foco em se livrar de vez deste fantasma, apesar de agora ser semifinalista na Copa do Brasil.

– Ainda não concretizamos o nosso objetivo, que é manter o Flamengo na Primeira Divisão. Temos sete jogos pela frente. Este é o trabalho que viemos fazer. O projeto do Flamengo nesta temporada era sair dessa confusão – disse o treinador.

O comandante rubro-negro ainda ressaltou que o bom desempenho na outra competição nacional é fruto desta concentração:
  
– A Copa do Brasil veio junto, mas a prioridade continua sendo continuar na elite do futebol brasileiro. Pode ser uma temporada que termine com o objetivo cumprido. 

Vanderlei Luxemburgo encerrou comentando sobre a Chapecoense. De acordo com o técnico do Flamengo, o adversário de amanhã é complicado de ser batido – na partida do turno o Fla foi derrotado:

– A Chapecoense tem uma grande equipe, passou a semana toda descansando. Não jogou um jogo decisivo na quarta-feira e vem para o Rio de Janeiro buscar uma bola e vencer a partida. Vai ser difícil.

Leia mais no LANCENET! http://www.lancenet.com.br/flamengo/Luxemburgo-mantem-Chapecoense-concretizamos-objetivo_0_1240076195.html#ixzz3HwM5Z7ko
© 1997-2014 Todos os direitos reservados a Areté Editorial S.A Diário LANCE! 

Wallace volta ao Fla satisfeito com rendimento do time nos últimos jogos

No dia 12 de outubro, Wallace colocou a mão na coxa esquerda aos 23 minutos do primeiro tempo e saiu de campo para acompanhar do banco a expressiva vitória por 3 a 0 sobre o Cruzeiro(veja os gols no vídeo abaixo). Ali, o zagueiro iniciou uma luta para voltar a jogar pelo Flamengo. Neste domingo, às 19h30 (de Brasília), contra a Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro, ele finalmente estará de volta.
Considerado um dos líderes do grupo, Wallace ficou fora de cinco jogos. Na sequência, o Flamengo teve três vitórias e duas derrotas, uma delas com um time recheado de reservas contra o Botafogo, em Manaus.
- Quero agradecer a Deus e aos fisioterapeutas Fabiano e Mário, aos médicos Marcelo e Tanure. Poder retornar com o grupo... Não tenho como descrever a sensação - afirmou Wallace, que disse nunca ter sofrido uma lesão muscular antes deste problema na coxa esquerda.
Contra a Chapecoense, ele deve formar a zaga ao lado de Samir. Wallace garantiu que a experiência vai ajudar a compensar a falta de ritmo de jogo. A expectativa é de que esteja em melhores condições para enfrentar o Atlético-MG, quarta-feira, em Belo Horizonte, pelo jogo de volta da semifinal da Copa do Brasil.
- Eu vinha treinando, mas você perde alguns movimentos de jogo. Com a experiência que adquiri, dá para se posicionar de forma mais consciente, com menos desgaste do que quando menino, que quer fazer tudo de uma vez - comentou o zagueiro.
Sair da "zona da confusão" ainda é a meta principal
Com o mesmo discurso dos companheiros, deixando de lado o confronto com o Atlético-MG e pensando apenas em escapar da "zona da confusão" do Campeonato Brasileiro, Wallace elogiou a atuação do time nos últimos jogos. Para ele, o espírito de luta característico foi recuperado.
- Observei bem, e o time readquiriu o que tinha perdido um pouco, que é a marcação forte, ser competitivo o tempo todo. Mesmo com o time mesclado contra o Botafogo foi assim. É a nossa virtude. Ela reacendeu e vencemos os jogos - disse.

[Fonte: Globo Esporte]

Artilheiro do Fla, Eduardo da Silva se firma entre titulares e vira trunfo

Desconhecido do futebol brasileiro, Eduardo da Silva foi contratado pelo Flamengo com alguma desconfiança por parte da torcida. O atacante, que se profissionalizou na Croácia e passou por times da Inglaterra e Ucrânia, disputou a Copa do Mundo, onde não teve muito destaque. A tal desconfiança, no entanto, foi jogada para o fundo das redes, sem a menor parcimônia. Em 17 jogos, o jogador marcou oito gols e assumiu a artilharia isolada do Rubro-negro neste Campeonato Brasileiro.
Com a lesão de Alecsandro, Eduardo da Silva se firmou entre os titulares e virou trunfo do técnico Vanderlei Luxemburgo.  Os números ajudam o brasileiro nacionalizado croata. Sua média de gols no Brasileiro é de 0,52 por partida. Alecsandro aparece na segunda colocação, com 0,29, seguido de Everton, com 0,17.
O curioso é que cinco dos oito gols foram marcados com o atacante saindo do banco de reservas. Eduardo da Silva foi titular em 13 jogos neste Brasileiro. E como principal atacante ele tem tido dificuldade para balançar as redes, o que ocorreu em quatro oportunidades. Essa questão, inclusive, fez Luxemburgo deixa-lo entre os suplentes por algum tempo.
Alessandro deixou a equipe como artilheiro do Flamengo. Mas os quatro jogos sem atuar foram determinantes para Eduardo da Silva virar o jogo. Eles balançou as redes em duas oportunidades desde então e assumiu o posto de 'matador' no Rubro-negro.
Ele tem sido o único atacante de ofício, mas conta com a ajuda de Gabriel, em grande fase. O apoiador, inclusive, tem deixado sua marca quando Eduardo passa em branco, o que tem facilitado para o bom desempenho do Flamengo mesmo após a lesão de Alecsandro.
O próximo desafio de Eduardo da Silva será neste domingo, quando o Flamengo receberá a Chapecoense, no Maracanã. Na próxima quarta-feira, o Rubro–negro decidirá uma vaga na final da Copa do Brasil com o Atlético-MG, no Mineirão.

[Fonte: Uol Esporte]

sexta-feira, 31 de outubro de 2014

Seleção paraguaia vai desfalcar Flamengo, Corinthians e Grêmio


O técnico Víctor Genes convocou nesta quinta-feira a seleção paraguaia para os amistosos diante o Peru, nos dias 14 e 18 de novembro. Dois jogadores que atuam no futebol brasileiro foram chamados e podem desfalcar seus clubes: Ángel Romero, do Corinthians, e Victor Cáceres, do Flamengo.
Os dois desfalcarão os clubes nas rodadas 34 e 35 do Campeonato Brasileiro. Titular do Flamengo, Cáceres vai perder os duelos contra Coritiba e Atlético-MG. A dúvida é se o paraguaio ficaria fora de uma eventual decisão da Copa do Brasil, uma vez que a primeira partida acontece em 12 de novembro. O time carioca está nas semifinais do torneio e venceu, nesta quarta, o Atlético-MG por 2 a 0, no primeiro jogo do confronto. 

Exame aponta lesão, e Everton é dúvida para jogo contra o Atlético-MG

O Flamengo poderá ter um desfalque considerável na partida contra o Atlético-MG, na próxima quarta-feira, válida pela semifinal da Copa do Brasil. Substituído no segundo tempo após sentir a coxa esquerda ao dar uma arrancada, Everton foi submetido, na tarde desta sexta-feira, a exames que detectaram uma lesão na região (relembre o lance no vídeo abaixo). Desta maneira, o aproveitamento do atleta no confronto programado para o Mineirão é incerto.
Se na parte ofensiva Vanderlei Luxemburgo poderá ter dor de cabeça, na defesa, o treinador vai contar com o retorno de Wallace. O zagueiro está recuperado de uma lesão na coxa esquerda e está à disposição. Ele volta a campo neste domingo, contra a Chapecoense, pelo Campeonato Brasileiro.

Campeão da Copa do Brasil no ano passado, o Rubro-Negro está perto de disputar a final da competição outra vez. O time assinalou 2 a 0 no Galo, no Maracanã, e levará a vantagem para o segundo jogo.


[Fonte: Globo Esporte]

Flamengo vence o Atlético-MG no Maracanã e sai na frente na semifinal

 
Empurrado pela torcida, o Flamengo deu um passo importante na disputa por uma vaga na final da Copa do Brasil. Na noite desta quarta-feira, num Maracanã animado por mais de 45 mil pessoas, o Rubro-Negro contou com uma noite inspirada de Gabriel para superar a muralha Victor, fazer 2 a 0 no Atlético-MG e quebrar uma sequência de seis jogos invictos do adversário. O ensaboado meia-atacante deu o passe para o gol de Cáceres e, após fazer fila em linda arrancada, sofreu o pênalti convertido por Chicão. Agora, os cariocas vão para Belo Horizonte em vantagem.
 
E com uma motivação extra: nas quatro vezes em que superaram o Galo em um confronto eliminatório, faturaram o título. Já o Alvinegro, para continuar sonhando com a inédita conquista, precisará repetir o feito que conseguiu diante do Corinthians, quando perdeu o primeiro duelo pelo mesmo placar e, depois, venceu por 4 a 1. Foi um jogo nervoso, típico da rivalidade acirrada nos anos 80 entre os dois clubes, com muita marcação. Por sinal, os dois gols do jogo foram marcados por jogadores de defesa. A preocupação de Levir Culpi era tanta que ele adotou uma esquema mais defensivo, tirando Luan para a entrada de um segundo volante: Pierre, que perdeu tragicamente o irmão no início da semana, assassinado no interior da Bahia. Mas nem isso, tampouco os milagres de Victor, foram suficientes para segurar um Fla empurrado por 40.909 pagantes (45.642 presentes). A renda da partida foi de R$ 2.858.215,00. A torcida atleticana também compareceu em grande número ao MaracanãFlamengo e Atlético-MG voltam a campo para a partida decisiva, valendo uma vaga na final do torneio, na próxima quarta-feira no Mineirão. Antes, porém, os dois têm compromissos importantes no domingo pelo Campeonato Brasileiro. O Rubro-Negro recebe a Chapecoense às 19h30 (de Brasília) no Maracanã atrás de uma vitória que deixaria o time praticamente sem riscos de rebaixamento. No mesmo horário, o Galo visita o Atlético-PR na Arena da Baixada para defender sua posição na zona de classificação para a Libertadores.